O metabolismo energético em atividades intermitentes de alta intensidade (HIIT) como o Crossfit depende de grande quantidade de energia (ATP) em curto espaço de tempo. Por este motivo, a VIA ANAERÓBICA de produção rápida de energia é fundamental para o bom desempenho nestas modalidades, como é o caso do crossfit. A nutrição esportiva para crossfit deve periodizar esse macronutriente afim de garantir boas reservas de glicogênio muscular, creatina fosfato, mas também fazer com que a mitocôndrias estejam preparadas para oxidar gorduras. Nutrição esportiva é fundamental para o sucesso no crossfit.

Em um sprint de 6 s, por exemplo, a degradação do glicogênio fornece 50% da produção de ATP, enquanto a fosfocreatina contribui com 48% e os 2% restantes são provenientes do pool intracelular de ATP. A via AERÓBICA fornece alguma energia, porém são necessárias mais etapas para a geração de ATP, tornando-a importante para os períodos de recuperação nos intervalos do HIIT.

Deste modo, a suplementação de carboidratos pode levar a um uso mais econômico das reservas de FOSFOCREATINA e GLICOGÊNIO MUSCULAR, resultando em melhor desempenho pelos atletas de crossfit..

Entre em contato conosco que preparamos seu planejamento alimentar que fará sua performance no crossfit evoluir.

WILLIANS, C. e ROLLO, I. Carbohydrate Nutrition and Team Sport Performance. Sports Medicine, v.45, p. 13-22, 2015.

Disponível online aqui.